Mudanças a vista…

Todos nós sabemos o quão interessante é quando temos um upgrade de um produto onde o custo é pequeno ou quase zero e é nesta onda que a Comunidade Mega Drive está trabalhando arduamente para um futuro lançamento. Mas, que tal reavaliarmos os produtos que nos foi dado ao longo do tempo pelas empresas de games?

Mega Drive 2, PS2 Slim, PSOne, SNES Model SNS-101, NintendoDS estes são alguns dos modelos de consoles que mudaram suas características ao longo do tempo. Alguns destes tiveram uma remodelagem completa na sua placa-mãe, causando divergências de reprodução de certos jogos – Os Mega Drive são o maior exemplo disso, enquanto que alguns outros sofreram mudanças, mas que não deram grandes problemas, como foi o caso do PSOne.

Mas, será, que gostamos destas mudanças de design completamente? Eu faço esta pergunta porque, por exemplo, eu prefiro o Mega Drive original do que o modelo 3 da TecToy, que era o padrão europeu, japones e americano, na sua segunda versão e eu gostava mais da versão grande do PSX do que o PSOne que eles lançaram depois.

Existem mudanças que vem para o bem, outras para o mal absoluto, como, novamente, o caso da TecToy que extirpou o Mega Drive de todos os seus componentes e agora o mesmo não passa de uma carcaça que emula porcamente os jogos originais do Mega Drive, outros, há uma melhoria substancial, como foi o caso do PS2 tijolo que virou o PS2 Slim, prático e leve.

Mas são de mudanças que vive o mundo e esperamos que a mudança que planejamos fazer para a comunidade como um todo traga bons frutos. E para vocês, o que significa mudança? Seja num videogame, num jogo ou na sua filosofia de vida?

Anúncios

9 comentários em “Mudanças a vista…

  1. Pra mim, a palavra “mudança” tem que sempre vir atrelada a outra: “evolução”. Mudar só é bom se a mudança for para melhor, se for uma mudança que agregue qualidades. Seja num jogo ou na vida, é preciso evoluir, pois quem não evolui fica pelo caminho.

  2. Concordo plenamente, as mudanças que temos em qualquer tipo de setor, seja pessoal, profissional ou de qualquer outra seara. Espero que, realmente, a mudança que está por vir tragam bons frutos e que estes frutos rendam maiores rendimentos para, neste blog em questão, para o mundo retrogamer.

    E o mundo é cheio de exemplos de evoluir, ou deixe morrer…

  3. Já entendi: o blog vai passar a falar sobre o Super Nintendo! Salvem suas vidas!

    Eu também sou bem mais o primeiro modelo do Mega. E até hoje sonho com um lançamento especial do Mega Drive com qualidade sonora melhorada, saídas de áudio e vídeo modernas, memória interna, jogatina online… nem que fosse trabalho de um modder. Eu pagava um bom dindin num negócio desses.

    • Nós vamos virar Nintendistas e dizer o quão maravilhoso foi o Virtual Boy, é este o nicho que iremos nos focar agora! XD

      Agora se, realmente, saísse um mod do MD equipado para ser compatível com a tecnologia atual, ia ficar o bicho.

  4. Uma mudança terrível no Mega Drive foi no circuito de saída de áudio do Mega CDX. O DAC de CDX da Tec Toy/US é tão ruim que não sai agudo com mais de 8 KHz, no máximo. Uma tristeza. Já comparei com todos os outros Mega que tenho aqui (MD 1 e 2 Tec Toy, Mega Drive 3 US, e Mega Japonês e MD 3 da Tec Toy (o modelo que ainda tinha slot, de 2001): todos têm boa resposta de agudo, provavelmente 16 ou 22 KHz.

    As tais mudanças que você falou… como em tecnologia se preocupa em fazer o mesmo com menos esforço/custo, às vezes dá no que deu… backfired! 🙂 Ótimo post!

    • Sim, de fato… a rigor, algumas melhorias, nos trazem várias piores e o contrário pode ser posto à mesa. É por isso que eu sou fã da primeira geração de cada console!

      Valeu e espero que possamos dar ótimos posts sobre o virtua boy em breve!

      • Muito legal Gagá! E o mais interessante: alguns comentando estão julgando que o primeiro modelo está com som melhor que o segundo Genesis, por causa do volume mais alto. Se colocar em 480p (o áudio do youtube só vai “full” a partir de 480p) dá pra notar o contrário: o model 2 tem mais agudo! Só precisa compensar aumentando o volume, mas no primeiro Mega não dá pra ouvir o cymbal de Yuzo e no segundo dá. O volume é o de menos, porque é só aumentar na TV, etc. o mais importante é a resposta, e nisso no teste do cara foi o segundo! Vou até deixar um comentário lá, vamos ver 🙂

  5. Apesar da SEGA não terem mais fabricado a primeira versão do Mega Drive, a mais poderosa em termos de aúdio e gráficos, o Mega Drive 3 lançado pela Tec Toy é bom pra caramba, fez e faz a alegria de muita gente, e o visual dele é bacana.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s